Prefeitura de Itararé

Solenidade comemora 85 anos de um dos mais importantes movimentos contra ditadura varguista Para comemorar os 85 anos da Revolução Constitucionalista de 32, movimento contra a ditadura de Getúlio Vargas, a Prefeitura de Itararé (SP), através da Coordenadoria Municipal de Turismo realizará no próximo domingo (9), um evento cívico no Parque da Barreira. Aberta ao […]

Publicado em 2 de agosto de 2017


Prefeitura de Itararé (SP) promove evento em comemoração à Revolução Constitucionalista de 1932

Solenidade comemora 85 anos de um dos mais importantes movimentos contra ditadura varguista

Para comemorar os 85 anos da Revolução Constitucionalista de 32, movimento contra a ditadura de Getúlio Vargas, a Prefeitura de Itararé (SP), através da Coordenadoria Municipal de Turismo realizará no próximo domingo (9), um evento cívico no Parque da Barreira.
Aberta ao público, a solenidade terá início às 9h, em frente ao Monumento ao Soldado Constitucionalista.

História
A Revolução Constitucionalista de 1932 foi o maior conflito armado do Brasil no século passado. O movimento foi uma reação ao golpe de Estado aplicado por Getúlio vargas, após sua derrota para o paulista Júlio Prestes nas eleições presidenciais de 1930.
No Parque da Barreira, as trincheiras foram cavadas pelos combatentes. Apesar do esforço paulista, o levante em Itararé foi sufocado pelas tropas legalistas ainda em 22 de Julho, tendo que recuar para Itapeva.
Após a tomada de Itararé, rapidamente as tropas de Getúlio invadiram São Paulo. Em 2 de outubro, os paulistas se rendiam.
Apesar da derrota nas armas, a revolução alcançou seu objetivo, isto é, a aprovação de uma nova Constituição, promulgada em 1934. Além disso, a luta dos que se arriscaram por uma nova Constituição trouxe também como consequência um sentimento cívico para os paulistas, que a todo 9 de julho relembram as batalhas e exaltam os feitos alcançados por seus conterrâneos.

85 anos de comemoração da revolução constitucionalista de 32

Copyright © 2020 - Prefeitura Municipal de Itararé | Todos direitos reservados