Prefeitura de Itararé

A obra é uma exigência da Cetesb para impedir a contaminação do solo e do lençol freático A obra é uma parceria entre a Coordenadoria Municipal de Meio Ambiente e as Secretarias Municipais de Administração e Serviços A Prefeitura de Itararé (SP), por meio da Coordenadoria Municipal de Meio Ambiente e das Secretarias Municipais de […]

Publicado em 21 de março de 2018


Com recursos próprios, Prefeitura de Itararé (SP) realiza implantação de geomembrana no aterro sanitário municipal

A obra é uma exigência da Cetesb para impedir a contaminação do solo e do lençol freático

A obra é uma parceria entre a Coordenadoria Municipal de Meio Ambiente e as Secretarias Municipais de Administração e Serviços

A Prefeitura de Itararé (SP), por meio da Coordenadoria Municipal de Meio Ambiente e das Secretarias Municipais de Administração e de Serviços, está realizando a implantação de geomembrana na nova célula do aterro sanitário.

De acordo com o coordenador da Pasta, Luis Capelassi, a geomembrana é uma lona impermeabilizante que impede a contaminação do solo e do lençol freático. “A implantação desta manta é uma exigência da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) para que o chorume produzido pelo lixo não chegue até os corpos hídricos do local. Além disso, essa obra colabora para que a nota do aterro continue alta no Índice de Qualidade de Disposição Final de Resíduos Sólidos”, explica.

A geomembrana, obtida com recursos próprios, possui cinco mil metros quadrados e uma vida útil de um ano e meio a um ano e oito meses. A previsão é de que as obras, iniciadas em janeiro, terminem na sexta-feira (23). O valor investido pelo município foi de R$ 150 mil.

 

A geomembrana possui 5 mil m² e uma vida útil de um ano e meio a um ano e oito meses

Copyright © 2020 - Prefeitura Municipal de Itararé | Todos direitos reservados