Itararé

 

Uma cidade cheia de beleza e cenários surpreendentemente relaxantes, assim é Itararé, cidade localizada na região sudoeste do estado de São Paulo e divisa do estado com o Paraná. O nome da nome do município vem da origem tupi-guarani significa "pedra que o rio escavou".

 

O rio Itararé que corta o município, nasce no bairro do Pinhalzinho, há 40 quilômetros da cidade, onde a altitude é de 900 metros, vencendo os desníveis, rompendo as rochas de arenito da região e chega até a região do Corisco, onde a altitude é de 1200 metros. Dali até o bairro de Coronel Izaltino, num trecho de 20 quilômetros, o rio e a natureza fizeram uma obra maravilhosa. São cânions, grutas, fendas, túneis, cachoeiras, cascatas, "chuveirinhos" e minas de águas cristalinas. Perfeitos para quem quer se aventurar e relaxar.

 

História e Cultura


Os caminhos dos campos de São Pedro de Itararé já eram conhecidos dos tropeiros e condutores de gado, desde 1693, sendo o ponto obrigatório de trânsito e pouso daqueles que se dirigiam para alcançar São Pedro do Rio Grande do Sul ou aqueles que procuravam a feira anual de animais que se realizava em Sorocaba.

 

Numa pequena faixa de terra, situada entre o rio Verde e o rio Itararé, o senhor Luiz Pedroso de Barros, morador da Vila de Paraíba, começou o processo de colonização do que mais tarde se transformaria no município de Itararé.

 

Pedroso de Barros foi recebendo maiores áreas e expandindo suas sesmarias. Essas terras, nos anos de 1784, 1791 e 1792, foram adquiridas pelo Coronel Gavião que iniciou o plantio na região e a catequese dos moradores locais, a grande maioria trabalhadores rurais. Assim nasceu Itararé.

 

Em 1820, foi constatado por Saint Hilaire, naturalista Francês, a existência de um pequeno povoado, chamado Itararé, à margem esquerda do córrego da Prata e a direita da estrada que, naquele tempo seguia rumo as regiões do Sul - Vila de Curitiba.

 

A construção da capela de Nossa Senhora da Conceição ocorreu em maio de 1880, através da iniciativa do Major João de Almeida Queiroz e Cônego Sizenando, fundadores do município. A capela foi erguida na colina onde estava localizado o povoado. Em janeiro seguinte foi rezada a primeira missa na capela, que logo foi elevada a curato. Foi traçado o primeiro arruamento e, aos poucos, foram construídas as primeiras casas na colina.

 

 

Clima

 

O clima da região é subtropical, com temperatura média anual de 25ºc. No inverno, porém, as temperaturas baixam muito e os termômetros registram em média 10ºc.

 

Vegetação e relevo

 

A cidade de Itararé conta com uma excepcional biodiversidade de flora e fauna devido ao encontro harmonioso do cerrado com os campos gerais, já característicos da região Sul do país.

 

O município abriga a população de 47.934 habitantes e tem uma extensão territorial de 1.004 quilômetros quadrados. A altitude da sede é de 750 metros, com um relevo suavemente ondulado. Há vários tipos de solo, como terra roxa e latsolo vermelho escuro. Conta com um extenso planalto circundado pelo final da serra de Paranapiacaba e inicio da Serra Geral que corta todo o sul do país. Chega a atingir a elevação máxima de 1.200 metros acima do nível do mar.

 

Itararé é uma típica cidade do interior, a hospitalidade de seu povo juntamente com a tranquilidade que marcam suas belas paisagens, compõem o cenário perfeito para a prática do ecoturismo, já consolidado pelas constantes visitas de turistas nacionais e internacionais. Outras modalidades turísticas tais como off road, aventura e cicloturismo têm se destacado devido suas constantes buscas por agências especializadas no setor.