Notícias

InícioNotíciasAcesso à InformaçãoAssistência SocialGuarda Civil MunicipalSaúdePrimeira operação do Programa Acolher aconteceu no último sábado (06) em Itararé (SP)

Primeira operação do Programa Acolher aconteceu no último sábado (06) em Itararé (SP)

Ação envolveu profissionais da secretaria da Saúde, secretaria de Desenvolvimento Social e guardas municipais

Acesso à Informação, Assistência Social, Guarda Civil Municipal, Saúde
Operação foi realizada por profissionais da área da saúde, assistência social e guardas municipais
Operação foi realizada por profissionais da área da saúde, assistência social e guardas municipais

A primeira operação do Programa Acolher foi realizada no último sábado (06), em Itararé. A ação é uma iniciativa da Secretaria de Desenvolvimento Social, Secretaria da Saúde e Guarda Civil Municipal (GCM) e tem por objetivo realizar busca ativa em pessoas em situação de rua e dependentes químicos, oferecendo o devido encaminhamento para tratamento e internação, quando necessário.

A secretária municipal de Desenvolvimento Social, Luciana Perucio, destaca que esta foi a primeira operação do ano, no entanto, o serviço de abordagem social é realizado diariamente, de segunda a sexta. “Estamos para garantir os direitos sociais e isso inclui garantir a adesão voluntária do cidadão. Esta é uma ação de longo prazo, é preciso estabelecer um vínculo para dar início a um efetivo e qualitativa trabalho”, explica.

A parceria envolveu 14 profissionais, dentre eles: enfermeira e psicóloga do Centro de Atenção Psicossocial (Caps), equipe técnica da Secretaria de Desenvolvimento Social, o secretário de Saúde Marcus Vinicius Gonçalves, o comandante da GCM Alisson Riveli e guardas municipais.

O secretário municipal de Saúde, Marcus Vinicius Gonçalves, destaca a importância da ação, como forma de garantir não apenas a saúde física, mas também mental dos moradores. “Prezamos pela integridade física e mental dos assistidos, e com parcerias e ações como esta, conseguimos intensificar o nosso trabalho”, reforça.

De acordo com o comandante da GCM, Alisson Riveli, cerca de 20 pessoas foram abordadas. Destas, seis foram encaminhadas para tratamento e internação, uma foi levada para a própria casa e uma pessoa foi destinada à Santa Casa. “Queremos retirar essas pessoas da condição de rua e garantir mais dignidade à elas”, conta Riveli.

O prefeito Heliton do Valle reconhece a importância desta iniciativa e afirma que o município só tem a ganhar com a parceria entre as secretarias. “Zelamos pelo bem-estar e saúde, física e mental, de todos os nossos munícipes. A comunicação entre as secretarias, concretizada em projetos como o Programa Acolher, traz significativos resultados”, conclui.