Prefeitura de Itararé

O projeto está em andamento e a expectativa é alta, destaca Heliton do Valle A costureira Maria Luiza Chagas Bandoni irá ministrar o curso no município Na semana em que se comemora o ‘Dia da Costureira’, Itararé (SP) tem novidades sobre o Programa Escola de Moda, que tem o objetivo de oferecer curso de qualificação […]

Publicado em 25 de maio de 2018


Com empenho do prefeito, Itararé (SP) se prepara para receber o programa Escola de Moda

O projeto está em andamento e a expectativa é alta, destaca Heliton do Valle

A costureira Maria Luiza Chagas Bandoni irá ministrar o curso no município

Na semana em que se comemora o ‘Dia da Costureira’, Itararé (SP) tem novidades sobre o Programa Escola de Moda, que tem o objetivo de oferecer curso de qualificação profissional de corte e costura na cidade.

Maria Luiza Chagas Bandoni foi escolhida pela coordenadora do Fundo Social de Solidariedade da cidade, Mara Galvão, para ministrar o curso e voltou esta semana de São Paulo (SP) onde foi fazer os testes e a capacitação para assumir a missão.

Costureira há mais de 10 anos, Maria Luiza já deu aulas para mais de oitos turmas de costura e se diz lisonjeada com o novo desafio. “Voltei muito feliz com o resultado dos testes e da capacitação. Foi muito produtivo. Sempre achamos que sabemos fazer, mas aprendi muitas técnicas, peças que eu levava 30 minutos para finalizar agora termino em 10 e com a mesma ou mais qualidade”, relata.

Conforme ela, um dos módulos do programa aborda também a maneira de como se trabalhar com os alunos. “Saber como explicar, orientar e manter a autoridade em sala de aula foi maravilhoso. Mesmo eu já tendo dando aula me senti melhor preparada”, comenta a futura professora.

Para o prefeito, Heliton do Valle, o projeto é mais uma grande conquista da gestão. “Ele ainda está em andamento, mas a expectativa é alta”, frisa.

Segundo ele, a Prefeitura ganhou do Fundo Social de São Paulo quatro máquinas de costura (três retas industriais e uma overlock) além de 200 metros de tecido para uso dos alunos durante o curso. “Ficamos muito contentes com isso. Este investimento, certamente, é reflexo do nosso trabalho”, detalha.

Mara Galvão conta que ainda não há previsão para que as aulas comecem, porém a equipe  não está de braços cruzados. “Estamos trabalhando muito para que, em breve, possamos oferecer mais esta oportunidade para a população”.

Segundo ela, as turmas devem atender cerca de 10 dez alunos por vez, garantindo um atendimento direcionado e melhor qualidade nas aulas. “Assim que as vagas foram disponibilizadas, iremos divulgar”, finaliza.

Voltei muito feliz com o resultado dos testes e da capacitação, conta Maria Luiza

Copyright © 2020 - Prefeitura Municipal de Itararé | Todos direitos reservados